Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - Regional São Paulo

Artigo avalia negativamente o rejuvenescimento facial com fios barbados

O uso de fios com sistemas de sustentação, chamados de fios barbados ou threaded sutures, para a realização de rejuvenescimento facial de forma pouco invasiva foi objeto de uma revisão sistemática publicada em março de 2018, na Plastic and Reconstructive Surgery.

A análise compila os dados de 12 trabalhos anteriores, após os critérios de exclusão, e acrescenta informações sobre alguns dados publicados há cinco anos.

A conclusão do estudo é que os efeitos observados agudamente nesses procedimentos, chamados de thread-lift sutures, podem ser majoritariamente atribuídos ao edema decorrente da inserção dos fios e, após a reabsorção do edema, o efeito de suspensão é perdido.

Apenas dois estudos com resultados mais promissor foram patrocinados pelas empresas produtoras dos fios, o que pode incluir um viés no resultado.

 

Leia mais aqui:
https://journals.lww.com/plasreconsurg/Abstract/2018/03000/Thread_Lift_Sutures___Still_in_the_Lift__A.9.aspx